IDEÁRIOS DE LIBERDADE E JUSTIÇA NA CONCEPÇÃO DE GUSTAVO ZAGREBELSKY

Autores

  • Frederico do Valle Abreu Centro Universitário IESB-DF

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i4.946

Palavras-chave:

Liberdade. Justiça. Humanismo laico. Humanismo cristão. Ideologia.

Resumo

O constitucionalista Gustavo Zagrebelsky estrutura a análise sociológica do Direito com base nos ideários de liberdade e justiça, fazendo-nos entender não só a diferença entre eles, mas também a melhor observar a superestrutura constitucional em qualquer ordenamento jurídico ocidental a fim de que seja possível com maior precisão verificar o que vem a ser o direito positivo. O campo de estudo é o Direito e a Sociologia. Conforme pesquisa qualitativa, bem como aplicação de método observacional e dedutivo, o artigo permite a identificação prévia do fundamento existente no ordenamento jurídico para a resolução de conflitos sem perder de vista os influxos ideológicos do ordenamento jurídico. Vê-se que a ideologia do Estado completamente liberal é errada, dando-se como exemplo não contido no texto de Zagrebelsky o keynesianiso militar. Também as implicações da lei, liberdade e justiça são analisadas para o estudo do Direito. A ultima ratio dessa análise, como se verá, é sempre o ser humano.

Biografia do Autor

Frederico do Valle Abreu, Centro Universitário IESB-DF

Professor de Direito Civil no Centro Universitário IESB-DF. Advogado em Brasília–DF. Pós-graduado em Direito Processual Civil no ICAT-AEUDF. Mestrando em Direitos Sociais e Processos Reivindicatórios no Centro Universitário IESB-DF. E-mail: frederico@valleabreuadv.com.

Downloads

Publicado

30/04/2021

Como Citar

Abreu, F. do V. . (2021). IDEÁRIOS DE LIBERDADE E JUSTIÇA NA CONCEPÇÃO DE GUSTAVO ZAGREBELSKY. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(4), 101–110. https://doi.org/10.51891/rease.v7i4.946