AFETIVIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Autores

  • Andréa Vicunã Ferreira da Silva Mesquita Faculdade Afirmativo
  • Darley Kuri Marques de Amorim Instituto Cuiabano de Educação
  • Irineide Santos Costa Faculdade UNIVEST de Educação
  • Izabel Cristina de Souza Universidade de Cuiabá
  • Kellen Cristina de Arruda Silva Faculdade FAEL
  • Kelsilene Priste Gomes Borsonaro Instituto Varzeagrandense de Educação
  • Luciana de Souza Teixeira Faculdades Integradas Mato-Grossense de Ciências Sociais e Humanas
  • Luiza Helena Nadaleti Dutra Faculdade de Educação São Luís
  • Mara Jovino Nascimento Hofferer Integradas de Vázea-Grande
  • Rosana de Souza Teixeira Faculdade Afirmativo
  • Sandra Lucia Ferreira Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia
  • Taynara Rodrigues Queiroz Centro Universitário de Várzea Grande
  • Thaysa Carla Lemes das Chagas Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia

Resumo

A escola é um espaço rico de interação e trocas de experiências, é por meio delas que o aluno se desenvolve socialmente. Nesse ambiente é fundamental que os docentes e os discentes tenham uma relação pautada no diálogo, no compromisso e na afetividade. Considerando as interações afetivas, este estudo tem como objetivo identificar como elas podem influenciar no processo de ensino aprendizagem dos estudantes da Educação Infantil.

O presente livro lançou mão de autores renomados como Piaget, Vygotsky, Wallon, Aranha, Galvão, Saltini, Craidy e Kaercher, dentre outros, que oportunizaram a compreensão de que o aspecto cognitivo e o aspecto afetivo estão totalmente interligados. Neste contexto, o profissional da Educação Infantil, deve ter uma relação com as crianças baseada na cumplicidade, amizade e segurança para que a mesma se sinta acolhida e aceita em seu espaço.

Uma aprendizagem significativa, onde o aluno se percebe como um ser atuante do seu conhecimento, é pautada nas relações de afeto com o professor. O tema deste livro é fundamental para a educação e para a sociedade, tendo no seu processo de construção, uma base fundamentada no respeito, no diálogo, na compreensão de idéias com o proposito

A infância é uma das fases mais significativas do indivíduo em relação ao seu desvolvimento, seja ele físico, cognitivo, motor ou emocional. É por meio da escola que a criança consegue explorar, trabalhar e desenvolver essas fases de maneira global.

Ao inserir os conceitos de afetividade no cotidiano escolar, percebe-se a sua contribuição no processo de socialização do educando além das relações de confiança, carinho, respeito e amizade, que são proporcionadas pelo ambiente de trocas de experiências entre os professores e os alunos. Assim, este livro torna-se relevante no sentido de buscar embasamento teórico para refletir a importância da afetividade e como ela pode contribuir com o processo de ensino aprendizagem das crianças, tendo em vista os laços afetivos entre o educador, sua postura docente e o educando

 

O objetivo do mesmo é identificar e ressaltar como as interações afetivas podem influenciar no processo de ensino aprendizagem dos alunos da Educação Infantil, pesquisando seu contexto histórico, suas implicações e conceitos para compreender como se dá o processo de trocas de experiências e socialização no ambiente escolar.

O livro foi estruturado em três capítulos. No primeiro capítulo foi feito um breve histórico acerca da Educação Infantil. O segundo capítulo contextualizou a afetividade, bem como a percepção dos principais teóricos. O terceiro capítulo tratou das relações afetivas no contexto escolar.

Por fim, foram apresentadas as conclusões que confirmaram a necessidade de um trabalho compromissado com a integridade da criança, que a envolva e utilize alternativas eficientes para garantir o sucesso no seu processo de ensino aprendizagem.

Biografia do Autor

Andréa Vicunã Ferreira da Silva Mesquita, Faculdade Afirmativo

 Graduada em Pedagogia pela Faculdade INTERVALE, Especialista em Educação Infantil pela Faculdade Afirmativo.

Darley Kuri Marques de Amorim, Instituto Cuiabano de Educação

Graduada em Pedagogia pela Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – FUFMS, Especialista em Educação Infantil e Alfabetização pelo Instituto Cuiabano de Educação – ICE.

Irineide Santos Costa, Faculdade UNIVEST de Educação

Graduada em Pedagogia pela Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia, Especialista em Educação Infantil e Letramento pala Faculdade UNIVEST de Educação.

Izabel Cristina de Souza, Universidade de Cuiabá

Graduada em Pedagogia pelas Faculdades Integradas Mato-grossenses de Ciências Sociais e Humanas, Especialista em Educação Infantil pela Universidade de Cuiabá – UNIC.

Kellen Cristina de Arruda Silva, Faculdade FAEL

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Mato-Grosso – UFMT, Especialista em Educação Infantil pela Faculdade FAEL.

Kelsilene Priste Gomes Borsonaro, Instituto Varzeagrandense de Educação

Graduada em Pedagogia pelo Instituto Varzeagrandense de Educação - IVE, Especialista em Educação Esepcial e Inclusão pelo Instituto Varzeagrandense de Educação - IVE.

Luciana de Souza Teixeira, Faculdades Integradas Mato-Grossense de Ciências Sociais e Humanas

Graduada em Pedagogia pelas Faculdades Integradas Mato-Grossense de Ciências Sociais e Humanas – ICE, Especialista em Educação Infantil e Alfabetização pelas Faculdades Integradas Mato-Grossense de Ciências Sociais e Humanas – ICE

Luiza Helena Nadaleti Dutra, Faculdade de Educação São Luís

aduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Outro Preto – UFOP, Especialista em Letramento e Alfabetização pela Faculdade de Educação São Luís.

Mara Jovino Nascimento Hofferer, Integradas de Vázea-Grande

Graduada em Pedagogia pela Universidade de Cuiabá – UNIC, Especialista em Educação Infantil e Alfabetização pelas Faculdades Integradas de Vázea-Grande – FIVE.

Rosana de Souza Teixeira, Faculdade Afirmativo

Graduada em pelas Faculdades Integradas Mato-grossenses de Ciências Sociais e Humanas, Especialista em Educação Infantil e Anos Inicais do Ensino Fundamental no Contexto do Atendimento Educacional Especializado pela Faculdade Afirmativo.

Sandra Lucia Ferreira, Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia

Graduada em Pedagogia pelo Centro Universitário Cândido Rondon – UNIRONDON, Especialista em Educação Infantil e Séries Iniciais do Ensino Fundamental pela Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia.

Taynara Rodrigues Queiroz, Centro Universitário de Várzea Grande

Graduada em Pedagogia pelo Centro Universitário de Várzea Grande – UNIVAG.

Thaysa Carla Lemes das Chagas, Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia

Graduada em Pedagogia pela Faculdade Afirmativo, Especialista em Alfabetização e Letramento pela Faculdade INVEST de Ciências e Tecnologia.

Downloads

Publicado

13/11/2021

Como Citar

Mesquita, A. V. F. da S. ., Amorim, D. K. M. de . ., Costa, I. S. ., Souza, I. C. de ., Silva, K. C. de A. ., Borsonaro, K. P. G. ., Teixeira, L. de S. . ., Dutra, L. H. N. ., Hofferer, M. J. N. ., Teixeira, R. de S. ., Ferreira, S. L. ., Queiroz, T. R. ., & Chagas, T. C. L. das . (2021). AFETIVIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 9–42. Recuperado de https://periodicorease.pro.br/rease/article/view/2891

Edição

Seção

E-books

Categorias

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>