IMPACTOS DA PANDEMIA DE COVID-19 NA SAÚDE MENTAL DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Autores

  • Deise dos Santos Costa Souza Faculdade de Ilhéus
  • Carlos Oliveira dos Santos Faculdade de Ilhéus

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v10i6.14081

Palavras-chave:

Adolescentes. Criança. Saúde Mental.

Resumo

O estudo tem como objetivo investigar os impactos da pandemia de COVID-19 na saúde mental das crianças e adolescentes. Trata-se de um estudo de revisão integrativa da literatura com característica descritiva. Para escolha dos artigos definiram-se como critérios de inclusão artigos originais e disponibilizados na íntegra, publicados nos idiomas português e inglês, publicados nos últimos 4 anos que abordassem a temática proposta. Como critérios de exclusão: artigos duplicados, incompletos, fora do recorte temporal e não estar no idioma português e inglês. O presente estudo aponta A presença de vários fatores de risco, como a intensidade da situação pandêmica, medidas de proteção rigorosas, questões socioeconômicas, psicopatologia parental, ambiente familiar disfuncional, isolamento social e preocupações com a saúde, tem um impacto negativo significativo na saúde mental de crianças e adolescentes. Essa interação complexa pode levar a um aumento de estresse, ansiedade, depressão e outros problemas de saúde mental nessa população vulnerável. Em suma, a saúde mental desses grupos deve ser uma prioridade durante crises como a pandemia da COVID-19, a fim de evitar danos permanentes às futuras gerações.

Biografia do Autor

Deise dos Santos Costa Souza, Faculdade de Ilhéus

Discente do curso de Enfermagem. Faculdade de Ilhéus, Centro de Ensino Superior, Ilhéus -Bahia.

Carlos Oliveira dos Santos, Faculdade de Ilhéus

Mestre em Terapia Intensiva e Docente da Faculdade de Ilhéus, Centro de Ensino Superior, Ilhéus -Bahia. 

Downloads

Publicado

2024-06-11

Como Citar

Souza, D. dos S. C., & Santos, C. O. dos. (2024). IMPACTOS DA PANDEMIA DE COVID-19 NA SAÚDE MENTAL DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES . Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 10(6), 1724–1734. https://doi.org/10.51891/rease.v10i6.14081

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.