O COVID-19 E MEIO AMBIENTE, EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA ALTERNATIVA PARA CONSCIENCIALIZAÇÃO DAS PESSOAS

Autores

  • Manuel Pastor Francisco Conjo Universidade Pedagógica de Maputo/Universidade Federal de Viçosa- MG
  • Octávio Manuel de Jesus Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior- Moçambique
  • Rosalina Inácio Fumo Universidade Pedagógica de Maputo–Moçambique
  • Carolina da Glória Dinis Conjo Universidade Eduardo Mondlane- Moçambique
  • Vitor Alves da Silveira Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - RJ

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i6.1356

Palavras-chave:

COVID-19. meio ambiente. educação ambiental.

Resumo

A pandemia da nova corona vírus, COVID-19, impôs-se no mundo trazendo consigo uma série de mudanças na vida das pessoas por todo o planeta assim como, o agravamento de alguns problemas ambientais. Mas também, as diversas medidas adotadas com vista ao controle da pandemia, foram de grande contributo para algumas melhorias que se observam no meio ambiente. Notável, por exemplo pela redução nos níveis de emissões atmosféricas, redução nos níveis de poluição por resíduos sólidos nos locais de maior aglomeração de pessoas. A educação ambiental é, portanto, vista como um componente importante para a conscientização das pessoas de modo a se travar o acelerado grau de infecção pelo vírus. O objetivo desta abordagem foi alcançado através de uma metodologia qualitativa na qual, por via da consulta bibliográfica, foi possível fazer uma descrição do atual cenário que assola a humanidade. Tendo se concluído que as características do meio ambiente envolvente provocam aceleração ou não do grau de infecção pelo vírus assim como, o COVID-19 estimulou substancialmente nos níveis de geração de resíduos sólidos, mas, por outro lado, as medidas de confinamentos e restrições adotadas em todos os países, conferiram um conjunto de alterações que proporcionaram melhorias substantivas a qualidade ambiental, onde a Educação Ambiental é eleita  para mudança no comportamento das pessoas para salvaguardar o bem estar público global.  

Biografia do Autor

Manuel Pastor Francisco Conjo, Universidade Pedagógica de Maputo/Universidade Federal de Viçosa- MG

Doutorando em Ciência Florestal pela Universidade Federal de Viçosa–Minas Gerais–Brasil. Instituição: Universidade Pedagógica de Maputo/Universidade Federal de Viçosa. Mestrado em Gestão Ambiental pela Universidade Pedagógica de Maputo–Moçambique. Bacharel e Licenciado em Ensino de Geografia pela Universidade Pedagógica de Maputo–Moçambique. Técnico Superior em Higiene e Segurança no Trabalho e Meio Ambiente pela Ensine Moçambique. E-mail: pastorconjo007@gmail.com.

Octávio Manuel de Jesus, Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior- Moçambique

Doutor em Ciências Pedagógicas, Moçambicano, Funcionário do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Doutoramento (2003),em Ciências Pedagógicas, componente Educação Ambiental, através da disciplina de Geografia, no Instituto Central das Ciências Pedagógicas de Havana-Cuba. Mestrado (1998),em Didáctica da Geografia, Menção Geografia Económica e Social, no Instituto Superior Pedagógico “Enrique José Varona” em Havana- Cuba. Licenciatura (1992)em Ensino de História e Geografia, no Instituto Superior Pedagógico de Maputo-Moçambique.Docente na Universidade Pedagógica de Maputo (desde 2006), categoria Professor Auxiliar, nas seguintes cadeiras científicas: Gestão Ambiental e Educação Ambiental; Didáctica de Geografia; Geografia de Moçambique I e II; Temas de Actualidade  em Geografia Física Geral e Geografia Física Regional.Membro de Júri, Supervisor e Arguente nas Defesas de Monografias, Dissertações em Havana-Cuba e Maputo-Moçambique.Supervisor das teses de Doutoramento em Moçambique. Correio electrónico: Octaviom2001@yahoo.es.

Rosalina Inácio Fumo, Universidade Pedagógica de Maputo–Moçambique

Bacharel e Licenciado em Ensino de Geografia pela Universidade Pedagógica de Maputo–Moçambique. Mestre em Gestão Ambiental pela Universidade Pedagógica de Maputo–Moçambique. Doutoranda em Geografia pela Universidade Pedagógica de Maputo. Instituição: Universidade Pedagógica de Maputo-Moçambique. E-mail:rosalinafumo@yahoo.com.br.

Carolina da Glória Dinis Conjo, Universidade Eduardo Mondlane- Moçambique

Licenciatura em Biologia e Saúde pela Universidade Eduardo Mondlane-Moçambique. Instituição: Departamento de Ciências Biológicas-Universidade Eduardo Mondlane. E-mail: conjocarolina@gmail.com.

Vitor Alves da Silveira , Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - RJ

Doutorando em Ciências Ambientais e Florestais. Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro/PPGCAF. Mestre em Ciência Florestal pela Universidade Federal de Viçosa/PPGCF. Engenheiro Agrônomo pela Universidade Federal de Viçosa. Gestor Ambiental-Instituto Superior de Tecnologia de Paracam. E-mail: vitoralvesilveira@gmail.com.

Downloads

Publicado

30/06/2021

Como Citar

Conjo, M. P. F. ., Jesus, O. M. de ., Fumo, R. I., Conjo, C. da G. D. ., & Silveira , V. A. da . (2021). O COVID-19 E MEIO AMBIENTE, EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA ALTERNATIVA PARA CONSCIENCIALIZAÇÃO DAS PESSOAS. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(6), 62–81. https://doi.org/10.51891/rease.v7i6.1356