Padronização e Validação da técnica do Limulus Amebocyte Lysate (LAL) Semi-Quantitativa e Quantitativa para o Biofármaco Alfainterferona 2b Humana Recombinante

Autores

  • Ricardo Cristiano de Souza Brum Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos /Bio-Manguinhos/Fiocruz

Resumo

Nos últimos anos, as farmacopéias e principais agências regulatórias para produtos farmacêuticos e biofarmacêuticos exigem cada vez mais em suas monografias a aplicação do método para detecção de endotoxinas bacterianas pelo lisado de amebócitos de Limulus (LAL) no controle de pirogênio de produtos terminados parenterais. O objetivo do presente estudo foi padronizar e validar o ensaio de LAL para o biofármaco alfainterferona 2b humana recombinante, produzido em E. coli. Foram empregados os métodos Gel-Clot e Cinético-Cromogênico (semiquantitativo e quantitativo, respectivamente). Para o método Cinético-Cromogênico, a máxima diluição válida (MDV) foi calculada para cada apresentação com base na concentração do produto e a sensibilidade do teste (3 MUI, MDV: 1:3.888 e 10 MUI, MVD: 1:12.962). Diluições seriadas abaixo da MDV foram avaliadas em triplicata para a verificação dos interferentes, sendo eleitas as diluições de 1:80 e 1:100 que exibiram a melhor recuperação no controle positivo do produto. Para o ensaio Gel-Clot na apresentação de 3 MUI  (MDV: 1:17) foi estipulada a diluição de 1:8 para a validação dos testes de rotina. Durante a validação dos ensaios, foi utilizada uma curva-padrão de endotoxina nas concentrações de 0,005 – 50 EU/ml e avaliados o seu coeficiente de correlação (R) e o desvio-padrão relativo. Os critérios de desempenho do método cinético (linearidade, especificidade, exatidão, repetibilidade, reprodutibilidade) foram atendidos de acordo com os parâmetros farmacopéicos e regulatórios (ANVISA e FDA), garantindo desta forma a robustez necessária para que o método de LAL possa ser incluído nos ensaios de rotina do Laboratório de Controle de Qualidade.

 

Biografia do Autor

Ricardo Cristiano de Souza Brum, Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos /Bio-Manguinhos/Fiocruz

Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos /Bio-Manguinhos/Fiocruz. E-mail: ricardo.brum@gmail.com. 

Downloads

Publicado

14/04/2021

Como Citar

Brum, R. C. de S. . (2021). Padronização e Validação da técnica do Limulus Amebocyte Lysate (LAL) Semi-Quantitativa e Quantitativa para o Biofármaco Alfainterferona 2b Humana Recombinante . Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 1–100. Recuperado de https://periodicorease.pro.br/rease/article/view/850

Edição

Seção

E-books

Categorias

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)