RACISMO E SAÚDE MENTAL DA POPULAÇÃO NEGRA NO BRASIL: NOTAS PARA UMA PSICOLOGIA CONTEMPORÂNEA

Autores

  • Luany Dias Bernardo Uniredentor AFYA
  • Alessandra Tozatto Uniredentor AFYA

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i12.7990

Palavras-chave:

Racismo. Saúde Mental. População Negra. Psicologia.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo apresentar uma configuração do racismo no Brasil contemporâneo, realizando uma breve análise sobre o assunto dentro do conceito de saúde mental, classificando as formas de racismo e apontando quais danos psíquicos pode ocasionar na vida da pessoa negra. Dessa forma, foi realizada uma pesquisa bibliográfica de modo a percorrer alguns trabalhos relacionados ao tema “Racismo e saúde mental da população negra no Brasil”. Assim, pretende-se oferecer uma visão mais madura, sobre o que é racismo, como ele se configura e ocasiona em desigualdades sociais adoecendo psiquicamente as vítimas e, também trazendo algumas colocações para a psicologia, que pode levar esse discurso para vários âmbitos onde atuam, principalmente no acadêmico, para assim buscar estratégias de enfrentamento.

Biografia do Autor

Luany Dias Bernardo, Uniredentor AFYA

Acadêmica do curso de Psicologia da Uniredentor AFYA.

Alessandra Tozatto, Uniredentor AFYA

Psicóloga; Professora Mestre em Ensino, docente do curso de Psicologia-  Uniredentor AFYA

Downloads

Publicado

30/12/2022

Como Citar

Bernardo, L. D. ., & Tozatto, A. . (2022). RACISMO E SAÚDE MENTAL DA POPULAÇÃO NEGRA NO BRASIL: NOTAS PARA UMA PSICOLOGIA CONTEMPORÂNEA. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(12), 436–459. https://doi.org/10.51891/rease.v8i12.7990