TRIAGEM DIAGNÓSTICA DE VASOS PRÉVIOS: REVISÃO DE LITERATURA

Autores

  • Nathalia Souza Silva Faculdade Morgana Potrich- FAMP
  • Thalian Pimentel Micheleti Faculdade Morgana Potrich- FAMP
  • Camila Lopes de Oliveira HOSPITAL REGIONAL DE MATO GROSSO DO SUL

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i8.6602

Palavras-chave:

Vasa prévia. Diagnóstico Precoce. Ultrassonografia Pré-Natal. Mortalidade Perinatal. Ultrassonografia Doppler em Cores.

Resumo

A vasa prévia é uma complicação obstétrica rara com incidência estimada de 6 a 11 casos por 10.000 gestações, é uma das causas mais importantes de hemorragia de terceiro trimestre e está associada a uma taxa de mortalidade perinatal de mais de 56% quando não diagnosticada no pré-natal. O objetivo dessa revisão é analisar os resultados dos estudos que reforçam a importância do diagnóstico precoce e comparam a relevância do rastreio universal com o rastreio apenas quando existentes fatores de risco. Foram selecionados 6 artigos na plataforma de pesquisa PUBMED, levando em consideração os critérios de inclusão e exclusão. Houve um consenso quanto a eficácia do diagnóstico precoce através da ultrassonografia transvaginal associada ao doppler colorido e apenas um autor foi discordante ao rastreio não universal para Vasa Prévia.

Biografia do Autor

Nathalia Souza Silva, Faculdade Morgana Potrich- FAMP

Formação em medicina pela Faculdade Morgana Potrich- FAMP, E-mail: nathaliasouza70@gmail.com.

Thalian Pimentel Micheleti, Faculdade Morgana Potrich- FAMP

Formação em medicina pela Faculdade Morgana Potrich FAMP, E-mail: thalianmichy@gmail.com.

Camila Lopes de Oliveira, HOSPITAL REGIONAL DE MATO GROSSO DO SUL

Formação em medicina pela Unochapecó, ginecologia e obstetra pela HRMS, E-mail: camilalopes@fampfaculdade.com.br.

 

Downloads

Publicado

31/08/2022

Como Citar

Silva, N. S. ., Micheleti, T. P. ., & Oliveira, C. L. de . (2022). TRIAGEM DIAGNÓSTICA DE VASOS PRÉVIOS: REVISÃO DE LITERATURA. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(8), 654–662. https://doi.org/10.51891/rease.v8i8.6602