SAÚDE MENTAL DE MULHERES COM ENDOMETRIOSE QUE DESEJAM ENGRAVIDAR

Autores

  • Aline Ferreira Lima Uniredentor
  • Samilly Alves da Silva Aguiar Uniredentor
  • Camila Medina Nogueira Moço Uniredentor

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i8.6535

Palavras-chave:

Saúde mental. Endometriose. Infertilidade.

Resumo

Considerando que a endometriose é uma patologia crônica, que causa dor intensa e afeta várias áreas da vida da mulher, como sua fertilidade, objetiva-se investigar a saúde mental daquelas que convivem com a doença e possuem o desejo de engravidar. Realizou-se uma pesquisa através de um questionário no Google Forms. Através dos resultados obtidos percebeu-se o impacto psicológico gerado pela convivência com a dor que pode trazer prejuízos para o dia a dia da paciente e, consequentemente, afetar o trabalho e as relações sociais. Destaca-se também a angústia desencadeada pela possibilidade de infertilidade e os possíveis desdobramentos ocasionados.

Biografia do Autor

Aline Ferreira Lima, Uniredentor

Discente do curso de psicologia da Uniredentor. E-mail: alineflima45@gmail.com.

Samilly Alves da Silva Aguiar, Uniredentor

Discente do curso de psicologia da Uniredentor. E-mail: samilly_aguiar@hotmail.com.  

Camila Medina Nogueira Moço, Uniredentor

Docente do curso de psicologia da Uniredentor. E-mail: camilamedinapsi@outlook.com 

Downloads

Publicado

31/08/2022

Como Citar

Lima, A. F. ., Aguiar, S. A. da S. ., & Moço, C. M. N. . (2022). SAÚDE MENTAL DE MULHERES COM ENDOMETRIOSE QUE DESEJAM ENGRAVIDAR. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(8), 486–501. https://doi.org/10.51891/rease.v8i8.6535

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.