IMPLANTE IMEDIATO EM ALVÉOLO FRESCO

Autores

  • Laísa Caroline Florêncio Amaro Universidade Brasil
  • Jadison Junio Conforte Universidade Brasil

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i5.5516

Palavras-chave:

Osseointegração. Próteses e Implantes. Reabilita.

Resumo

A pesquisa contínua está fazendo com que os conceitos relacionados aos períodos de cura na implantologia sejam continuamente revistos. A colocação generalizada de implantes pós-extração é uma metodologia relativamente recente que vem sendo desenvolvida nos últimos anos. A exigência fundamental que levou ao nascimento desse procedimento está associada ao desejo de encurtar os tempos de tratamento e à necessidade de preservar as estruturas alveolares que sem ele estariam destinadas à atrofia. Implantes dentários pós-extração consistem em colocar o implante dentário imediatamente após a realização de uma ou mais extrações dentárias. O espaço deixado pela peça extraída é utilizado e o implante é colocado, reduzindo o tempo de espera, a medicação e o número de intervenções com implantes convencionais. A taxa de sucesso deste tratamento varia de 95% a 98%. Para optar por um implante imediato o paciente deve atender a todas essas características: não haja processo infeccioso ativo; tenha uma estrutura óssea ideal e suficiente para a retenção primária do implante; que não haja processos periodontais ativos; monitoração do paciente que não sofre de bruxismo; que não seja necessário induzir (uso) uma grande quantidade de enxerto ósseo para colocação do implante. As vantagens dos implantes pós-extração, mantém os tecidos ósseos e moles sem que eles reabsorvam ou encolhessem, o tempo de intervenção e tratamento são menores e a extração favorece o processo de cura e regeneração óssea.

Biografia do Autor

Laísa Caroline Florêncio Amaro, Universidade Brasil

Graduanda do Curso de Odontologia pela Universidade Brasil- E-mail: laisacaflorencio@hotmail.com.

Jadison Junio Conforte, Universidade Brasil

Professor orientador do Curso de Odontologia pela Universidade Brasil.

Downloads

Publicado

31/05/2022

Como Citar

Amaro, L. C. F. ., & Conforte, J. J. . (2022). IMPLANTE IMEDIATO EM ALVÉOLO FRESCO. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(5), 1209–1230. https://doi.org/10.51891/rease.v8i5.5516

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.