PROBLEMAS DE SAÚDE MENTAL ENTRE CUIDADORES DE PACIENTES NO ÂMBITO HOSPITALAR: UMA REVISÃO INTEGRATIVA

Autores

  • Willame de Sousa Oliveira Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
  • Flávia Paula Magalhães Monteiro Universidade Federal do Ceará
  • Jocilene da Silva Paiva Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
  • Dayane Pereira da Silva Universidade Estadual do Ceará
  • Samara dos Reis Nepomuceno Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
  • Terezinha Almeida Queiroz Universidade Estadual do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i5.5334

Palavras-chave:

Saúde Mental. Cuidador. Hospital.

Resumo

 Este estudo buscou levantar os problemas de saúde mental entre cuidadores de pacientes no âmbito hospitalar. Trata-se de uma Revisão integrativa da literatura, onde a busca foi realizada nas bases de dados Scielo e Lilacs, de outubro a novembro de 2019. Foram incluídos artigos dos anos de 2015 até 2019. Foi elaborado um instrumento para guiar o levantamento dos dados, constituído por: tipo de estudo, objetivo de estudo, período, local, faixa etária do público-alvo, tipo de fatores associados à saúde mental dos cuidadores. Os dados foram organizados em quadros e analisados com a literatura pertinente. Foram encontrados 17 artigos, porém, apenas três artigos se enquadraram nos critérios. Identificou-se que o perfil dos cuidadores eram cuidadores informais. Percebeu-se, assim, que a relação ao gênero obteve uma prevalência de acompanhantes do sexo feminino. Conclui-se que os cuidadores necessitam de assistência para que suas sobrecargas sejam amenizadas, visto que o ato de assumir a condição de acompanhante deriva de sentimentos de afetividade, disponibilidade que remete à necessidade de estar próximo do paciente, transmitir apoio, facilitar a adaptação dele no hospital.

Biografia do Autor

Willame de Sousa Oliveira, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Especialização em Osteopatia e Quiropraxia. Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira- UNILAB. E-mail: willame.wsou@gmail.com.

Flávia Paula Magalhães Monteiro, Universidade Federal do Ceará

Doutorado em Enfermagem. Universidade Federal do Ceará- UFC. E-mail: vinhacastro123@outlook.com.

Jocilene da Silva Paiva, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Especialização em Saúde da Família e Centro de Terapia Intensiva. Mestranda em enfermagem. Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira- UNILAB. E-mail: enferjocilene@gmail.com.

Dayane Pereira da Silva, Universidade Estadual do Ceará

Graduação em enfermagem. Universidade Estadual do Ceará- UECE. dayyanesilva@gmail.com.

Samara dos Reis Nepomuceno, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Mestranda em Enfermagem. Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira- UNILAB. E-mail: Nepomucenosamara@gmail.com.

Terezinha Almeida Queiroz, Universidade Estadual do Ceará

Doutorado em Cuidados Clínicos em Saúde. Universidade Estadual do Ceará- UECE. E-mail: Terezinha.queiroz@uece.br.

Downloads

Publicado

31/05/2022

Como Citar

Oliveira, W. de S. ., Monteiro, F. P. M. ., Paiva, J. da S. ., Silva, D. P. da ., Nepomuceno, S. dos R. ., & Queiroz, T. A. . (2022). PROBLEMAS DE SAÚDE MENTAL ENTRE CUIDADORES DE PACIENTES NO ÂMBITO HOSPITALAR: UMA REVISÃO INTEGRATIVA. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(5), 1138–1148. https://doi.org/10.51891/rease.v8i5.5334