A AUTOESTIMA DA MULHER COM CÂNCER DE MAMA: ORIENTAÇÕES DA ENFERMAGEM: UMA REVISÃO

Autores

  • Marilia Aquino de Andrade Centro Universitário Dom Pedro II
  • Simone Santos Souza niversidade Federal da Bahia
  • Erica Souza dos Santos Centro Universitário Dom Pedro II
  • Aiana da Silva Garcia Sales Centro Universitário Dom Pedro II
  • Andressa dos Santos de Jesus Centro Universitário Dom Pedro II
  • Lorena Souza dos Santos Centro Universitário Dom Pedro II
  • Rebeca Maria dos Santos Silva Centro Universitário Dom Pedro II
  • Taíse da Silva Gondim Centro Universitário Dom Pedro II

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.5143

Palavras-chave:

Assistência de enfermagem. Oncologia. Câncer de mama. Autoimagem.

Resumo

Introdução: O aumento da incidência do câncer ocorreu devido ao envelhecimento da população. O câncer de mama é uma patologia com o maior grau de incidência dentro da população feminina desde os anos 80 e até hoje é responsável por um misto de sensações no imaginário da mulher. Objetivo: descrever o que tem sido publicado sobre as orientações de enfermagem direcionadas a autoestima da mulher com câncer de mama. Metodologia: Revisão integrativa de literatura com abordagem qualitativa afim de, através de pesquisas, obter resultados sobre um determinado tema específico para qual foi utilizados artigos publicados entre o ano de 2011 a 2021, a busca do aprendizado foi através da base de dado Scientific Electronic Library Online (SciELO), Literatura Latino-americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Biblioteca Virtual em saúde (BVS) e a Base de Dados de Enfermagem (BDENF). Resultados e Discussão: O estudo evidenciou a importância de discutir essa temática, que visa contribuir para a ampliação da conscientização sobre o diagnóstico tardio e as suas comorbidades, e principalmente de como essa doença atinge a mulheres em uma quantidade maior do que o esperado e também de como ela atinge psicologicamente a autoimagem que essa mulher tem de si, ressalta a importância de tratamentos terapêuticos e de como os profissionais de saúde, incluindo diretamente os profissionais da enfermagem podem ter um impacto direto na vida desses pacientes e de como um bom preparo influencia diretamente na aceitação dessas pessoas em relação ao diagnóstico. Conclusão: Apesar de ainda existir muito a ser feito, se ao menos existir o embasamento, compreensão e empatia por parte dos profissionais de saúde em especial nos enfermeiros, através dessa aproximação será possível promover segurança e confiança garantindo maior colaboração tornando possível o autocuidado a saúde mental e física durante o enfrentamento dessa patologia.

Biografia do Autor

Marilia Aquino de Andrade, Centro Universitário Dom Pedro II

Graduanda em Enfermagem. Centro Universitário Dom Pedro II. E-mail: mariliaaquino20@gmail.com.

Simone Santos Souza, niversidade Federal da Bahia

Mestre em Enfermagem e saúde na Universidade Federal da Bahia. Docente no Centro Universitário Dom Pedro II. E-mail: simonessouza18@hotmail.com. 

Erica Souza dos Santos, Centro Universitário Dom Pedro II

Graduanda em Enfermagem. Centro Universitário Dom Pedro II. E-mail: erica.dejesus@hotmail.com.

Aiana da Silva Garcia Sales, Centro Universitário Dom Pedro II

Graduanda em Enfermagem. Centro Universitário Dom Pedro II. E-mail: garciaaiana5@gmail.com.

Andressa dos Santos de Jesus, Centro Universitário Dom Pedro II

Enfermeira. Instituição: Centro Universitário Dom Pedro II. E-mail: andressasantos57@hotmail.com. 

Lorena Souza dos Santos, Centro Universitário Dom Pedro II

Enfermeira. Instituição: Centro Universitário Dom Pedro II.E-mail: lorenasouza7626@gmail.com. 

Rebeca Maria dos Santos Silva, Centro Universitário Dom Pedro II

Enfermeira. Instituição: Centro Universitário Dom Pedro II.  E-mail:  rebecamaria98@outlook.com. 

Taíse da Silva Gondim, Centro Universitário Dom Pedro II

Graduanda em enfermagem. Instituição - Centro Universitário Dom Pedro II E-mail - taisegondim@gmail.com

Downloads

Publicado

30/04/2022

Como Citar

Andrade, M. A. de ., Souza, S. S. ., Santos, E. S. dos ., Sales, A. da S. G. ., Jesus, A. dos S. de ., Santos, L. S. dos ., Silva, R. M. dos S. ., & Gondim, T. da S. . (2022). A AUTOESTIMA DA MULHER COM CÂNCER DE MAMA: ORIENTAÇÕES DA ENFERMAGEM: UMA REVISÃO. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(4), 1416–1426. https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.5143

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.