PANORAMA EPIDEMIOLÓGICO DO PRÉ-NATAL DO PARCEIRO E PRÉ-NATAL DA GESTANTE NO BRASIL

Autores

  • Julia da Silveira Pacheco Ferraz Universidade de Vassouras
  • Mariana do Espirito Santo e Santos Universidade de Vassoura
  • Maria Carolina da Silva Gaspar Universidade de Vassouras
  • Thayssa Vasconcellos Guide Universidade de Vassouras
  • André Elias Ribeiro Universidade de Vassouras

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.4995

Palavras-chave:

Pré-natal. Paternidade. Gravidez. Saúde do homem.

Resumo

O pré-natal é uma estratégia de saúde que proporciona para as gestantes um acompanhamento durante o período gestacional visando manter uma gestação sem intercorrências. O homem não é uma figura muito presente nas consultas de pré-natal, apesar de estudos comprovarem os benefícios do acompanhamento do parceiro à gestante nas consultas. Desta forma, o Ministério da Saúde em setembro de 2017, desenvolveu a estratégia pré-natal do parceiro. O objetivo do presente estudo é fazer uma análise epidemiológica comparativa entre a quantidade de consultas realizadas pelo Sistema Único de Saúde de pré-natal do parceiro e as consultas de pré-natal da gestante, no Brasil por regiões durante o período de outubro de 2017 até outubro de 2021. É um estudo do tipo transversal, observacional e retrospectivo com base em dados secundários e epidemiológicos da plataforma digital do DATASUS- Sistema de Informações Hospitalares do SUS (SIH/SUS) do Ministério da Saúde. Com os resultados obtidos no estudo é possível perceber que apesar da grande importância da participação do parceiro no pré-natal, o número de consultas realizadas, mesmo apresentando um aumento progressivo, ainda é muito baixo com um total de 44.233, comparando com o número das consultas de pré-natal da gestante que neste período foi de 29.158.779, sendo importante a implementação de novas políticas de incentivo para ampliar a adesão a essa estratégia.

Biografia do Autor

Julia da Silveira Pacheco Ferraz, Universidade de Vassouras

Discente do Curso de Medicina da Universidade de Vassouras.  Vassouras-  Rio de Janeiro, Brasil. Email: juliadspf@gmail.com.

Mariana do Espirito Santo e Santos, Universidade de Vassoura

Discente do Curso de Medicina da Universidade de Vassoura. Vassouras, Rio de Janeiro, Brasil.

Maria Carolina da Silva Gaspar, Universidade de Vassouras

Discente do Curso de Medicina da Universidade de Vassouras. Vassouras- Rio de Janeiro, Brasil.

Thayssa Vasconcellos Guide, Universidade de Vassouras

Discente do Curso de Medicina da Universidade de Vassouras. Vassouras- Rio de Janeiro, Brasil.

André Elias Ribeiro, Universidade de Vassouras

Docente do Curso de Medicina da Universidade de Vassouras. Vassouras- Rio de Janeiro, Brasil.

Downloads

Publicado

30/04/2022

Como Citar

Ferraz, J. da S. P. ., Santos, M. do E. S. e ., Gaspar, M. C. da S. ., Guide, T. V. ., & Ribeiro, A. E. . (2022). PANORAMA EPIDEMIOLÓGICO DO PRÉ-NATAL DO PARCEIRO E PRÉ-NATAL DA GESTANTE NO BRASIL. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(4), 948–957. https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.4995