ATENÇÃO FARMACÊUTICA E PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES NO SUS: CONHECIMENTO E ACEITAÇÃO POR PARTE DA POPULAÇÃO DE NOVA IGUAÇU

Autores

  • Andreza Assis dos Santos Faculdade Nova Iguaçu
  • Alex Sandro Rodrigues Baiense Universidade Iguaçu
  • Leonardo Guimarães de Andrade Faculdade Nova Iguaçu

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.4861

Palavras-chave:

Práticas Integrativas e Complementares. SUS. Farmácia Viva. Nova Iguaçu.

Resumo

 Este estudo objetivou apresentar a população de Nova Iguaçu a existência da oferta das Práticas Integrativas e Complementares no SUS, além de informar os primeiros passos para a implantação desses serviços na rede de saúde pública do município usando como base o Manual de Implantação de Serviços de Práticas Integrativas e Complementares no SUS do Ministério da Saúde. Apresenta também através de folheto educativo alguns benefícios da auriculoterapia, yoga e fitoterapia para a saúde da população e embasado na Portaria 1.988 de 20 de dezembro de 2018 do Ministério da Saúde traz informações das áreas que o profissional farmacêutico pode atuar quando devidamente capacitado e inserido neste programa. Por fim o estudo constatou que a implementação dessas práticas na rede de saúde do município tende a ser benéfica pois se trata de ações onde o resultado são a promoção e a prevenção a saúde e sugere a implantação de uma Farmácia Viva que devido ao alto índice de área verde no território do município propende a ser uma experiencia exitosa.

Biografia do Autor

Andreza Assis dos Santos, Faculdade Nova Iguaçu

Faculdade Nova Iguaçu. E-mail: drezaassiis@gmail.com

Alex Sandro Rodrigues Baiense, Universidade Iguaçu

Professor Universitário da Universidade Iguaçu - UNIG. Pós-graduação em Análises Clinica pela Universidade Iguaçu. Graduado em Farmacia pela Universidade do Grande Rio- UNIGRANRIO, Farmacia Industrial pela Universidade Federal do Rio de Janeiro- UFRJ e Química Licenciatura Plena pela Universidade do Grande Rio-  UNIGRANRIO. Profissionalmente exerço o Magistério na Rede Estadual de Ensino do RJ como estatutário DOC I.

Leonardo Guimarães de Andrade, Faculdade Nova Iguaçu

Mestrado Profissional em Ciências do Meio Ambiente (Universidade Veiga de Almeida) e Mestrado em Doenças Parasitárias pela Universidad Autônoma de Asuncíon (U.A.A). Graduação em Enfermagem com Especialização em Enfermagem do Trabalho. Graduação em Odontologia com Especialização em Endodontia-ABO. Faz parte do corpo docente da Universidade Iguaçu (UNIG), sendo responsável pela disciplina de Seminário Temático I ( Biossegurança); Seminário Temático II ( Primeiros Socorros); Saúde Pública e Epidemiologia; Metodologia; Trabalho de Conclusão de Curso. Radiologia; Primeiros Socorros; Controle de Qualidade de Equipamentos Radiológicos; Gestão de Serviços Radiológicos; Pratica de Atendimento ao Paciente; Ética e Profissional e Relações Trabalhistas; Metodologia da Pesquisa; Curso de Graduação em Estética: Fisiologia Humana; Metodologia Científica; Possui 15 anos de experiência docente e Experiência em Pesquisa Acadêmica, com orientação de Projetos de Iniciação Científica cujo o projeto de iniciação cientifica Gerenciamento de Resíduos laboratório Farmacotécnica, curso de Extensão curso de aplicação de injetáveis; curso de primeiros socorros; curso de curativos e Feridas; orientador de Conclusão de Curso de Graduação em Farmácia. Possui experiência na realização de Projetos de Pesquisa, na área de Gestão de Resíduos Sólidos odontológicos e Gestão de Resíduos de Serviço de Saúde. Atua como, Coordenador do Programa de Saúde na Escola município de Mesquita.

Downloads

Publicado

30/04/2022

Como Citar

Santos, A. A. dos ., Baiense, A. S. R. ., & Andrade, L. G. de . (2022). ATENÇÃO FARMACÊUTICA E PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES NO SUS: CONHECIMENTO E ACEITAÇÃO POR PARTE DA POPULAÇÃO DE NOVA IGUAÇU. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(4), 656–667. https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.4861

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 > >>