BENEFÍCIOS DA VENTILAÇÃO NÃO INVASIVA NA APNEIA DO SONO EM RECÉM-NASCIDO

Autores

  • Wildson da Silva Lopes Faculdade Unibras
  • João Eduardo Viana Guimarães Faculdade Unibras

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i10.2949

Palavras-chave:

Ventilação não invasiva. Apneia do sono e recém-nascido.

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo demonstrar os benefícios da ventilação não invasiva na apneia do sono em recém-nascido. Acredita-se que, a chegada de um bebê seja um momento marcante na vida de uma mulher e da família que o receberá e, apesar da gravidez ser um evento fisiológico, complicações podem oferecer risco para a mãe e para o bebê resultando, dentre outras situações, em um parto prematuro. Com tudo isso, a prematuridade continua sendo um problema significativo perinatal, pois associado com apneia do sono é o maior contribuinte para a mortalidade infantil. Deste modo, a falta da ventilação não invasiva na apneia do sono, pode acarretar grandes problemas para o recém-nascidos ou até a mesmo a morte. Conclui-se com este trabalho que, o sucesso no uso da ventilação não invasiva está na agilidade da resposta terapêutica na apneia do sono em recém-nascido.

Biografia do Autor

Wildson da Silva Lopes, Faculdade Unibras

Acadêmico do 10º período do Curso de Fisioterapia da Faculdade Unibras. Email: wildson_sl@hotmail.com.

João Eduardo Viana Guimarães, Faculdade Unibras

Professor Mestre do Curso de Fisioterapia da Faculdade Unibras e orientador da pesquisa. E-mail: jefisio@hotmail.com.

Downloads

Publicado

18/11/2021

Como Citar

Lopes, W. da S. ., & Guimarães, J. E. V. . (2021). BENEFÍCIOS DA VENTILAÇÃO NÃO INVASIVA NA APNEIA DO SONO EM RECÉM-NASCIDO. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(10), 2825–2837. https://doi.org/10.51891/rease.v7i10.2949