EFEITOS DA TERAPIA COMBINADA DE LOSARTANA COM HIDROCLOROTIAZIDA EM PACIENTES DO PROGRAMA FARMÁCIA POPULAR

Autores

  • Jorge Jonathan de Lima Costa
  • Thiago Pereira de Abreu Universidade Iguaçu

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i10.2660

Palavras-chave:

Hipertensão. Losartana. Hidroclorotiazida. Farmacêutico. Atenção farmacêutica. Farmácia Popular.

Resumo

Doenças hipertensivas e cardiovasculares constituem-se num importante problema de saúde pública e está entre as principais causas de morte da população adulta nos países desenvolvidos. Evidências clínicas comprovam a importância da hipertensão arterial sistêmica (HAS) como fator de risco. O Programa Farmácia Popular é uma inciativa do Ministério da Saúde e foi criado em 2004 e modificada com parceria de farmácias e Drogarias privadas em 2017. Surgiu como uma alternativa de acesso da população aos medicamentos considerados essenciais para saúde publica. Considerando-se a elevada prevalência de quadros de hipertensão arterial na população e a eficácia da terapêutica medicamentosa no tratamento, o presente estudo buscou comparar a resposta terapêutica relacionada à administração associada destes dois medicamentos Losartana potássica e Hidroclorotiazida na hipertensão, no tratamento de pacientes.

Biografia do Autor

Jorge Jonathan de Lima Costa

Universidade  Iguaçu.  E-mail: jorgejonathan1998@gmail.com.

Thiago Pereira de Abreu, Universidade Iguaçu

Orientador. Universidade  Iguaçu.

Downloads

Publicado

30/10/2021

Como Citar

Costa, J. J. de L. ., & Abreu, T. P. de. (2021). EFEITOS DA TERAPIA COMBINADA DE LOSARTANA COM HIDROCLOROTIAZIDA EM PACIENTES DO PROGRAMA FARMÁCIA POPULAR. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(10), 1266–1275. https://doi.org/10.51891/rease.v7i10.2660