A REGULAMENTAÇÃO DAS CRIPTOMOEDAS E SEUS EFEITOS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v9i10.11807

Palavras-chave:

Criptomoedas. Regulamentação. Tecnologia.

Resumo

O ciberespaço, por sua vez, desmaterializa-se, unindo a vontade de todas as pessoas – naturais e jurídicas – no mesmo espaço de tempo, sendo juridicamente impossível que um país o faça sem violar a soberania de outro reino descentralizado que facilita a circulação de criptomoedas. Este trabalho visa abordar a aplicação da regulação das criptomoedas e o seu impacto a nível nacional, com dimensão internacional. Portanto, a pesquisa é realizada de forma bibliográfica e qualitativa, utilizando textos nacionais e estrangeiros para pesquisa, além da relação entre o objeto de pesquisa e o sujeito. O objetivo é usar a regulação como solução para garantir a segurança jurídica dos usuários de criptomoedas e da sociedade como um todo. Quanto ao método, é considerado qualitativo e quantitativo, pois é realizado por meio da análise do conteúdo das teorias publicadas existentes, da busca de explicações para o problema e da análise de dados estatísticos de contextos sociais. Quanto às técnicas utilizadas, foram considerados tanto o documentário direto quanto o indireto, pois foram utilizadas fontes secundárias de acordo com as obras listadas nas referências.

Biografia do Autor

Erymar Monteconrado Junior , Centro Universitário Fametro

Graduando do Curso de Direito do Centro Universitário Fametro. ORCID: https://orcid.org/0009-0002-6411-6646

Downloads

Publicado

2023-11-13

Como Citar

Monteconrado Junior , E. (2023). A REGULAMENTAÇÃO DAS CRIPTOMOEDAS E SEUS EFEITOS. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 9(10), 2404–2417. https://doi.org/10.51891/rease.v9i10.11807

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.