RELATO INTEGRADO E INDICADORES GRI: UM ENFOQUE NA ESTRUTURA E NA CONTABILIDADE AMBIENTAL NO TERCEIRO SETOR

Autores

  • Erberth de Barros Lima Instituto de Tecnologia de Pernambuco
  • Daniele de Castro Pessoa de Melo Instituto de Tecnologia de Pernambuco
  • Danilo Emídio de Souza Cavalcanti Instituto de Tecnologia de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.5037

Palavras-chave:

Relato integrado. Indicadores GRI. Indicadores não financeiro.

Resumo

O Relato Integrado (RI) é um demonstrativo que reúne informações financeiras e não financeiras, para atender aos novos desafios e oportunidades do momento atual e vem se tornando um padrão mundial de comunicação empresarial. As empresas do ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial) da bolsa de valores B3 (Brasil, Bolsa, Balcão) que já passaram pela implantação, orientação e diretrizes do GRI (Global Reporting Initiative) estão a um passo do Relato Integrado. O GRI é um verdadeiro “raio x” que avalia amplamente a empresa, com vários indicadores. O objetivo geral do presente trabalho é verificar como as empresas do ISE de 2020 divulgam os Indicadores GRI propostos pela estrutura no seu relato integrado. Esse trabalho utilizou uma abordagem mista, lançando mão de coleta de dados com medição numérica para descobrir ou aperfeiçoar questões de pesquisa. Para tanto, foram realizadas análises de 60 (sessenta) relatórios dessas 30 (trinta) empresas do ISE, ligadas aos segmentos de energia, varejo, banco, serviço e outros (construção civil residencial, infraestrutura, produção e exportação de papéis e petroquímica), que negociam suas ações na B3. Os relatos e relatórios revelaram um crescimento positivo no nível de divulgação geral, econômico, ambiental e social das empresas investigadas, principalmente em decorrência das informações relacionadas aos impactos ambientais percebidos ou provocados pelas empresas. Os resultados obtidos dos indicadores de desempenho na divulgação geral, econômico, ambiental e social nos relatórios e relatos integrados e de sustentabilidade, vêm mostrando uma evolução a cada ano em divulgar mais por parte das empresas do ISE na B3.

Biografia do Autor

Erberth de Barros Lima, Instituto de Tecnologia de Pernambuco

Instituto de Tecnologia de Pernambuco - ITEP – Programa de Pós-Graduação em Tecnologia Ambiental. Mestrado Profissional em Tecnologia Ambiental. Recife – PE (Brasil). Orcid: https://orcid.org/0000-0002-2440-1357. Lattes:  http://lattes.cnpq.br/1897553614480225. E-mail: erberth.lima75@gmail.com.

Daniele de Castro Pessoa de Melo, Instituto de Tecnologia de Pernambuco

Professora PhD. Coordenadora do Instituto de Tecnologia de Pernambuco. E- mail:daniele.castro@itep.br

Danilo Emídio de Souza Cavalcanti, Instituto de Tecnologia de Pernambuco

Doutor. Professor Permanente do Mestrado Profissional em Tecnologia Ambiental do Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP-PE). E-mail: daniloescavalcanti@gmail.com 

Downloads

Publicado

30/04/2022

Como Citar

Lima, E. de B. ., Melo, D. de C. P. de ., & Cavalcanti, D. E. de S. . (2022). RELATO INTEGRADO E INDICADORES GRI: UM ENFOQUE NA ESTRUTURA E NA CONTABILIDADE AMBIENTAL NO TERCEIRO SETOR. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(4), 120–142. https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.5037