ANALOGIA DOS EFEITOS DA PENICILINA G BENZATINA E A PENICILINA CRISTALINA NO TRATAMENTO DA SÍFILIS CONGÊNITA: UMA SÍNTESE DE EVIDÊNCIAS

Autores

  • Evelin dos Santos Morais Chambarelli Universidade de Nova Iguaçu
  • Michel Santos da Silva Universidade de Nova Iguaçu
  • Leonardo Guimarães de Andrade Universidade Iguaçu

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.4856

Palavras-chave:

Sífilis. Sífilis congênita. Penicilina benzatina. Penicilina cristalina.

Resumo

As infecções sexualmente transmissíveis (IST) são consideradas um problema de saúde pública e estão entre as patologias transmissíveis mais comuns, afetando a saúde e a vida das pessoas em todo o mundo. As IST têm um impacto direto sobre a saúde reprodutiva e infantil, porquanto acarretam infertilidade e complicações na gravidez e no parto, além de causar morte fetal e agravos à saúde da criança. Nesse sentido, buscou-se relatar sobre a sífilis, pontuar uma analogia para a escolha adequada dos antibióticos para o tratamento da sífilis congênita e a ação do farmacêutico.Objetivo Geral: Investigar quanto ao uso racional e adequado para sífilis congênita.Avaliar a eficácia e segurança do tratamento antibiótico para recém-nascidos com sífilis congênita confirmada, altamente provável e possível. Comparar a utilização do antibiótico penicilina G benzatina e o da penicilina cristalina nos casos de sífilis congênita.Métodos:  Trata-se de um estudo de caráter exploratório, baseado no método de revisão de literatura com síntese de evidências, foi realizado uma revisão sistemática por meio de ferramentas computacionais Scielo, Lilacs, Google Acadêmico, Publish or Perish, Cochrane Library no mês de fevereiro de 2022, utilizando-se os seguintes descritores combinado com o operador boleano AND: “Sífilis gestacional AND sífilis congênita AND tratamento”.Os critérios de inclusão foram artigos que mostravam algum experimento em relação ao tratamento da sífilis em gestantes e da sífilis congênita, no qual abordava o diagnóstico e mecanismo dos antibióticos e eficácia e segurança do tratamento, selecionando apenas aquele estudo de maior proposta pelo assunto. Os dados obtidos foram analisados para revisão de literatura.

Biografia do Autor

Evelin dos Santos Morais Chambarelli, Universidade de Nova Iguaçu

Acadêmica do curso de Farmácia da Universidade de Nova Iguaçu – UNIG. E-mail: evelinmoraischambarelli@gmail.com.

Michel Santos da Silva, Universidade de Nova Iguaçu

Docente do curso de Farmácia da Universidade de Nova Iguaçu – UNIG. E-mail:  E-mail: michelbiodss@yahoo.com.br

Leonardo Guimarães de Andrade, Universidade Iguaçu

Mestre em Ciências do Meio Ambiente na Universidade Veiga de Almeida. Graduação em Enfermagem na Universidade Iguaçu. Faz parte do corpo docente da Universidade Iguaçu no Estado do Rio de Janeiro.

 

Downloads

Publicado

30/04/2022

Como Citar

Chambarelli, E. dos S. M. ., Silva, M. S. da ., & Andrade, L. G. de . (2022). ANALOGIA DOS EFEITOS DA PENICILINA G BENZATINA E A PENICILINA CRISTALINA NO TRATAMENTO DA SÍFILIS CONGÊNITA: UMA SÍNTESE DE EVIDÊNCIAS . Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 8(4), 587–600. https://doi.org/10.51891/rease.v8i4.4856

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 > >>