RELAÇÃO DO NÍVEL DE ATIVIDADE FÍSICA COM O PICO DE FLUXO EXPIRATÓRIO MÁXIMO DOS COLABORADORES DE UMA CRECHE NO MUNICÍPIO DE RIO VERDE-GO

Autores

  • Sonária Carlos de Sousa Gonçalves UNIBRAS
  • Fernando Duarte Cabral Faculdade de Goiás Coordenação

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i12.3423

Palavras-chave:

Atividade Física. Peak flow. Músculos Respiratórios.

Resumo

A inatividade física é um desafio para a saúde, pois tem sido um fator de risco para inúmeras doenças entre elas as cardiovasculares e pulmonares. Sabe-se que   atividade física é essencial para prevenção da obesidade e reabilitação de tais disfunções. O objetivo deste trabalho é relacionar o nível de atividade física com o pico de fluxo expiratório máximo dos colaboradores de uma creche no município de Rio Verde - GO. O estudo foi realizado com uma amostra de 28 colaboradores entre 18 e 75 anos de ambos sexo, os mesmos foram submetidos a aplicação do questionário IPAQ versão curta para verificar o nível de atividade física e logo após, executaram três picos de fluxo expiratório máximo por meio do dispositivo peak flow meter. Através da análise dos resultados da presente pesquisa foi encontrada correlação positiva (0,483) significativa (P=0,031) entre o Nível de Atividade Física e o do pico de fluxo expiratório e também foi encontrada correlação negativa (-0,604) significativa (P=0,005) entre a Idade e o Pico de Fluxo Expiratório. Conclui-se que a prática de atividade física interfere significativamente no aumento do pico de fluxo expiratório máximo e que processo de envelhecimento fisiológico contribui para diminuição do pico de fluxo expiratório. Vale ressaltar que a prática de exercícios físico é indispensável tanto para o sistema músculo esquelético bem como para o sistema cardiorrespiratório melhorando a função pulmonar.

Biografia do Autor

Sonária Carlos de Sousa Gonçalves, UNIBRAS

Acadêmica do 8° periodo do curso de Fisioterapia da UNIBRAS Faculdade de Goiás de Rio Verde – GO. E-mail: sonariaejr@gmail.com.

Fernando Duarte Cabral, Faculdade de Goiás Coordenação

Professor Mestre: Fernando Duarte Cabral Unibras -Faculdade de Goiás Coordenação:  curso: Educação física Coordenação: Fisioterapia - rt: Hospital Municipal Universitário de Rio Verde - hmu. Coordenação: Fisioterapia - rt: Hospital estadual de santa Helena de Goiás - Herso. Atendimento Em Fisioterapia Home Care Email:  fernandofisio2@hotmail.com.

Downloads

Publicado

30/12/2021

Como Citar

Gonçalves, S. C. de S. ., & Cabral, F. D. . (2021). RELAÇÃO DO NÍVEL DE ATIVIDADE FÍSICA COM O PICO DE FLUXO EXPIRATÓRIO MÁXIMO DOS COLABORADORES DE UMA CRECHE NO MUNICÍPIO DE RIO VERDE-GO. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(12), 440–454. https://doi.org/10.51891/rease.v7i12.3423

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)