O PAPEL DO ENFERMEIRO NO CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR DIANTE DAS DIFICULDADES ENCONTRADAS NAS INSTITUIÇÕES DE SAÚDE

Autores

  • Silvia Evangelista Santos UNIFESP
  • Sheila Pereira Mendes Universidade Cruzeiro do Sul

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i10.2417

Palavras-chave:

Dificuldades. Equipe de enfermagem. Infecção hospitalar

Resumo

Objetivo: O estudo buscou identificar as dificuldades encontradas na atuação do enfermeiro no controle de infecção. Metodologia: trata-se de um estudo de revisão bibliográfica, qualitativa, que pesquisou artigos em sites especializados no assunto, como a Biblioteca Virtual em Saúde e (BVS), abordando publicações de 1997 á 2005. Discussão e Resultado: o enfermeiro é um dos principais membros desta equipe, que se faz importante nesta área, pois tem uma atuação imprescindível e mais precisa sobre cada paciente e quais as ações tomadas para que as infecções hospitalares sejam evitadas na instituição de saúde. Considerações Finais: o enfermeiro deve sempre trabalhar sua equipe para que sejam eliminadas as dificuldades causadas a sobrecarga de trabalho, a falta de compromisso, o despreparo dos profissionais da área de saúde para lidar com as questões referentes ao controle de infecção hospitalar.

Biografia do Autor

Silvia Evangelista Santos, UNIFESP

Graduada em Enfermagem pela Universidade Mogi das Cruzes em 2003. Docência no ensino superior em enfermagem pela Faculdade de Carapicuíba em 2009. Especialização em enfermagem de Nefrologia em 2009 pela Universidade Federal de São Paulo  (UNIFESP).  Especialização em Gestão em Enfermagem pela Universidade Federal de São Paulo ( UNIFESP) em 2016. Especialista  em Informática em saúde pela (UNIFESP) em 2019. Mestrando na Área de Saúde pública pala Universidade Columbia Del Paraguay 2021. Atualmente é Supervisora  de Enfermagem  da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM ) Hospital das clínicas Luzia de Pinho Melo. E-mail: silvia.santos@hclpm.spdm.org.br.

Sheila Pereira Mendes, Universidade Cruzeiro do Sul

Graduada em Enfermagem pela Universidade Cruzeiro do Sul (Bacharel em 2005). Especialista em enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva , pelo hospital Sírio Libanês (2007),Gestão em Enfermagem modalidade a distância da Escola Paulista de Enfermagem - Pela Universidade Federal de São Paulo (2011) e MBA em Saúde e em Controle de Infecção Hospitalar pela Faculdade Método de São Paulo (2015), Informática em Saúde modalidade a distância da Escola Paulista de Enfermagem, pela a Universidade Federal de São Paulo (2016).Especialização de Qualidade em Saúde e Segurança do Paciente, pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca - ENSP, da Fundação Oswaldo Cruz – FIOCRUZ ( 2020). Atualmente é Supervisora de Enfermagem da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM ) Hospital das clínicas Luzia de Pinho Melo. E-mail: sheila.mendes@hclpm.spdm.org.br.

Downloads

Publicado

30/10/2021

Como Citar

Santos, S. E. ., & Mendes, S. P. . (2021). O PAPEL DO ENFERMEIRO NO CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR DIANTE DAS DIFICULDADES ENCONTRADAS NAS INSTITUIÇÕES DE SAÚDE. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(10), 307–315. https://doi.org/10.51891/rease.v7i10.2417

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.