ATENÇÃO FARMACÊUTICA NO TRATAMENTO DE CRIANÇAS INFECTADAS PELO VÍRUS HIV/AIDS

Autores

  • Ana Paula Nogueira da Silva Universidade Iguaçu
  • Vicente Senna Júnior Universidade Iguaçu

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i9.2301

Palavras-chave:

AIDS. Atenção Farmacêutica. HIV. Terapia Antirretrovital. Pediátrico.

Resumo

Por volta da década de 80 surgiu um vírus que matou milhares de pessoas, o Vírus da Imunodeficiência Adquirida (HIV), responsável pela Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS), tendo como único tratamento para cessar a replicação do vírus o uso de antirretrovirais. A atenção farmacêutica é uma estratégia que tem como princípio ações focadas no bem-estar do paciente. Objetiva-se nessa pesquisa apresentar por meio das ações da atenção farmacêutica os benefícios para o tratamento de crianças portadores do vírus HIV/AIDS. A pesquisa foi realizada por meio da metodologia de revisão de literatura, onde os dados foram apurados por meio de artigos, manuais governamentais e sites relevantes. A revisão disserta sobre a importância da atenção farmacêutica na farmacoterapia com antirretrovirais em crianças com HIV/AIDS.

Biografia do Autor

Ana Paula Nogueira da Silva, Universidade Iguaçu

 UNIG – Universidade Iguaçu, Curso de Graduação em Farmácia, Nova Iguaçu-RJ, Brasil.

Vicente Senna Júnior, Universidade Iguaçu

Orientador.

Downloads

Publicado

30/09/2021

Como Citar

Silva, A. P. N. da ., & Senna Júnior, V. . (2021). ATENÇÃO FARMACÊUTICA NO TRATAMENTO DE CRIANÇAS INFECTADAS PELO VÍRUS HIV/AIDS. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(9), 989–1003. https://doi.org/10.51891/rease.v7i9.2301