ATUAÇÃO DO FARMACÊUTICO NO PROCESSO DE INTOXICAÇÃO POR ANALGÉSICOS NÃO-OPIÓIDES E ANTI-INFLAMATÓRIOS NÃO-ESTEROIDES (AINES)

Autores

  • Ana Carolina de Matos Egídio Universidade Iguaçu
  • Leonardo Guimarães de Andrade Universidade Iguaçu
  • Lívia Cabral Lobo Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Michel Santos da Silva Universidade Iguaçu

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i9.2289

Resumo

As intoxicações por medicamentos ocorrem por vários motivos, dentre os principais destaca-se, administração acidental ou intencional, na qual sucede a automedicação, erros de dosagem, desordem do medicamento. Portanto, existem vários tipos de intoxicação, deste modo será abordado os analgésicos não-opióides ou não narcóticos e anti-inflamatórios não esteróides (AINEs), que são o Paracetamol, Ibuprofeno e o Ácido acetilsalicílico (AAS). O objetivo principal é alertar a população sobre o uso indevido desses medicamentos isentos de prescrição, e que isso pode acarretar algumas complicações tóxicas. Sendo assim, é de extrema importância a atuação do farmacêutico nessas situações, pois, o profissional irá avaliar o consumo recente de uma determinada substância, as alterações clínicas que se desenvolvem com o uso dessa substância, e os sinais e sintomas específicos dessa intoxicação.

Biografia do Autor

Ana Carolina de Matos Egídio , Universidade Iguaçu

Graduação em Farmácia na Universidade Iguaçu. E-mail: carolzinhaegidio@hotmail.com.

Leonardo Guimarães de Andrade , Universidade Iguaçu

Mestre em Ciências do Meio Ambiente na Universidade Veiga de Almeida (2016). Graduação em Enfermagem na Universidade Iguaçu

Lívia Cabral Lobo , Universidade Federal do Rio de Janeiro

Mestre no programa de Ciências em Tecnologia de Processos Químicos e Bioquímicos pela Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2012). Graduação em Farmácia pela Universidade Grande Rio, Rio de Janeiro (2004). Atualmente é docente no curso de Graduação em Farmácia na Universidade Iguaçu (desde 2013) no Estado do Rio de Janeiro. E-mail: livia.lobo@campus1.unig.br

Michel Santos da Silva, Universidade Iguaçu

Mestre em Ciências do Meio Ambiente na Universidade Veiga de Almeida (2016). Graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Iguaçu (2009). Atualmente leciona como professor na Universidade Iguaçu, nos cursos de Graduação em Farmácia, Enfermagem e Engenharia Civil da Universidade Iguaçu no Estado do Rio de Janeiro.E-mail: michelbiodss@yahoo.com.br

Downloads

Publicado

30/09/2021

Como Citar

Egídio , A. C. de M. ., Andrade , L. G. de ., Lobo , L. C., & Silva, M. S. da . (2021). ATUAÇÃO DO FARMACÊUTICO NO PROCESSO DE INTOXICAÇÃO POR ANALGÉSICOS NÃO-OPIÓIDES E ANTI-INFLAMATÓRIOS NÃO-ESTEROIDES (AINES). Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(9), 884–894. https://doi.org/10.51891/rease.v7i9.2289

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)