O USO DO CANABIDIOL EM PACIENTE COM EPILEPSIA

Autores

  • Patrick Gama Pereira Universidade Iguaçu
  • Fabiana Sousa Pugliese Universidade Iguaçu
  • Michel Santos da Silva Universidade Iguaçu
  • Leonardo Guimarães de Andrade Universidade Iguaçu
  • Sebastian Rinaldi Neto UNIG - Universidade Iguaçu

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i9.2225

Palavras-chave:

cannabidiol. cannabis.

Resumo

O uso da cannabis para o tratamento da epilepsia sempre teve papel de destaque no tratamento dos casos dessa doença, isso não acontecia por acaso. De acordo com um relatório de revisão crítica da Organização Mundial da Saúde (OMS), essa substância poderosa é benéfica para pessoas com doenças que afetam o sistema nervoso e as sinapses cerebrais. Esse reconhecimento se deve a um grande número de estudos que apontam para a eficácia dos canabinoides, que podem ser usados ​​como anticonvulsivantes e neuroprotetores. A epilepsia é uma doença que afeta o sistema nervoso central (SNC) e o cérebro. O sintoma mais óbvio são as convulsões, que podem ser clônus ou clônus tônico e, em alguns casos, podem causar perda de consciência. No Brasil, cerca de 1% a 2% da população sofre de epilepsia, que pode afetar pessoas de todas as idades. É uma das doenças mais comuns do sistema nervoso central. Embora o CBD não tenha sido 100% aprovado cientificamente para o tratamento da epilepsia, ele foi considerado seguro e eficaz. Isso porque o óleo de canabidiol é um dos medicamentos mais prescritos e apresenta vantagens muito relevantes em comparação com os medicamentos convencionais.

Biografia do Autor

Fabiana Sousa Pugliese, Universidade Iguaçu

Farmacêutica .

 

Michel Santos da Silva, Universidade Iguaçu

Biólogo.

Leonardo Guimarães de Andrade, Universidade Iguaçu

 Enfermeiro/odontológia. Universidade Iguaçu.

Sebastian Rinaldi Neto, UNIG - Universidade Iguaçu

Orientador e farmacêutico.

Downloads

Publicado

30/09/2021

Como Citar

Pereira, P. G. ., Pugliese, F. S. ., Silva, M. S. da ., Andrade, L. G. de ., & Rinaldi Neto, S. . (2021). O USO DO CANABIDIOL EM PACIENTE COM EPILEPSIA. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(9), 424–433. https://doi.org/10.51891/rease.v7i9.2225

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>