AS DIFERENÇAS ENTRE BRASIL E PORTUGAL NA REGULAMENTAÇÃO DO VAREJO FARMACÊUTICO E OS POSSÍVEIS IMPACTOS NA ESTRATÉGIA COMERCIAL

Autores

  • Leonardo Anacleto Chaves Faculdade de Direito de Bauru
  • José Glimovaldo Lupoli junior Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i8.1985

Palavras-chave:

Varejo Farmacêutic. Farmácia Comunitária. Regulação de Preços. Direito Regulatório. Farmácia. Drogaria. Medicamento.

Resumo

Verificamos no Brasil uma elevada concentração no varejo farmacêutico, com a existência de grandes redes, mas com uma grande participação de redes independentes, gerando elevada competitividade e movendo seus gestores na busca de fidelizar o consumidor, seja pelo preço, produtos, serviços, comodidades que oferecem. Neste ambiente em que o varejo físico, de forma global, vem buscando se reinventar, o varejo farmacêutico está inserido em um ambiente político-legal igualmente ou mais desafiador. Nesse sentido, quando comparamos a regulamentação existente no Brasil com a de Portugal, agregando os dados de mercado e demográficos, se verifica possíveis vantagens e desvantagens do modelo nacional comparativamente ao português.

Biografia do Autor

Leonardo Anacleto Chaves, Faculdade de Direito de Bauru

Bacharel em Direito - Faculdade de Direito de Bauru - ITE Instituição Toledo de Ensino
Pós-graduação em Direito Tributário - IBPEX - UNINTER
MBA Varejo e Mercado de Consumo - USP ESALQ. E-mail: leo4chaves@gmail.com

José Glimovaldo Lupoli junior, Universidade de São Paulo

Professor do Departamento de Marketing da Universidade de São Paulo – USP. Administração pela Universidade de São Paulo – USP. Pós – Graduado in Retailing Management by Youngstown State University – USA. Professor e Consultor Associado à Fundação Dom Cabral – FDC.Consultor da Fundação Instituto de Administração – FIA. Consultor Senior em Marketing do Programa de Administração de Varejo da FIA – LABIFIN/PROVAR. Tenente – Coronel da Força Aérea Brasileira, onde atuou na área de logística aeronáutica.

Downloads

Publicado

31/08/2021

Como Citar

Chaves, L. A. ., & Lupoli junior, J. G. (2021). AS DIFERENÇAS ENTRE BRASIL E PORTUGAL NA REGULAMENTAÇÃO DO VAREJO FARMACÊUTICO E OS POSSÍVEIS IMPACTOS NA ESTRATÉGIA COMERCIAL. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(8), 556–579. https://doi.org/10.51891/rease.v7i8.1985

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.