A EFICÁCIA DA LASERTERAPIA DE BAIXA POTÊNCIA NA CICATRIZAÇÃO DE ÚLCERAS EM PACIENTES COM DIABETES MELLITUS: REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

Autores

  • Anna Karoline França da Silva UNILS
  • Isabella Sousa Martins UNILS
  • João Flávio Guimarães UNILS

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v9i10.12044

Palavras-chave:

Úlceras. Diabetes mellitus. Cicatrização. Laser de baixa potência. Laserterapia.

Resumo

Por se tratar de uma doença autoimune causada por disfunções metabólicas, a diabetes mellitus (dm) tem como consequência a hiperglicemia, devido a redução da secreção e/ou produção da insulina. pacientes com dm pode-se desenvolver várias sequelas uma delas é a neuropatia diabética que é caracterizada pela perda de sensibilidade em que acomete mais os membros inferiores, com a redução do mecanismo de proteção a dor pode-se ocorrer traumas repetidos que levam ao desenvolvimento de lesões e ulcerações. os pacientes com dm vão apresentar uma cicatrização deficitária nas lesões, pois ocorre uma exacerbação durante a fase de inflamação, em que essas feridas acabam se tornando crônicas e consequentemente pode-se gerar uma úlcera. diante disso, esse trabalho teve como objetivo analisar a eficácia da laserterapia de baixa potência na cicatrização de úlceras em pacientes diabéticos. foi realizada uma revisão bibliográfica, com busca de dados para realização deste artigo em bases de dados eletrônicas: google acadêmico, pubmed e bvs (lilacs e medline) em português, sendo incluídos estudos dentro do período de 2015 a setembro de 2023. dentre os artigos pesquisados e discutidos observaram-se que a laserterapia de baixa potência apresenta resultados positivos na cicatrização de úlceras proporcionando uma melhor qualidade de vida ao indivíduo com a ferida. no entanto salienta-se a escassez de estudos que evidenciem a utilização desse método, faz-se necessário novos estudos aplicando o lbp na cicatrização de úlcera em pacientes diabéticos a fim de elucidar a sua eficácia e o melhor parâmetro a ser aplicado.

 

Biografia do Autor

Anna Karoline França da Silva, UNILS

Graduanda em Fisioterapia da Universidade Ls (UNILS), Brasília-DF.

Isabella Sousa Martins, UNILS

Graduanda em Fisioterapia da Universidade Ls (UNILS), Brasília- DF. 

 

João Flávio Guimarães, UNILS

Orientador. UNILS.

Downloads

Publicado

2023-11-16

Como Citar

Silva, A. K. F. da, Martins, I. S., & Guimarães, J. F. (2023). A EFICÁCIA DA LASERTERAPIA DE BAIXA POTÊNCIA NA CICATRIZAÇÃO DE ÚLCERAS EM PACIENTES COM DIABETES MELLITUS: REVISÃO BIBLIOGRÁFICA. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 9(10), 3153–3167. https://doi.org/10.51891/rease.v9i10.12044

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.