EQUOTERAPIA: UMA ABORDAGEM MULTIDIMENSIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO BIOPSICOSSOCIAL DE INDIVÍDUOS COM DEFICIÊNCIAS E NECESSIDADES ESPECÍFICAS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v9i10.11575

Palavras-chave:

Equoterapia. Desenvolvimento biopsicossocial. Deficiências e necessidades específicas. Intervenção terapêutica multidimensional.

Resumo

O presente artigo aborda a equoterapia como uma abordagem terapêutica multidimensional que visa promover o desenvolvimento biopsicossocial de indivíduos com deficiências e necessidades específicas. A equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo como instrumento de intervenção, proporcionando uma série de estímulos físicos, cognitivos e emocionais aos participantes. O objetivo desta revisão é destacar a importância da equoterapia como uma intervenção eficaz na habilitação e reabilitação de pessoas com deficiências e necessidades específicas. O enfoque multidimensional da equoterapia abrange aspectos físicos, psicológicos e sociais, proporcionando benefícios abrangentes aos participantes. No aspecto físico, a equoterapia estimula o desenvolvimento motor, melhorando o equilíbrio, a postura e a coordenação. Os movimentos tridimensionais do cavalo replicam os padrões de movimento humano, fortalecendo grupos musculares específicos e contribuindo para o desenvolvimento da propriocepção. No aspecto psicológico, a interação com o cavalo promove a melhoria da autoestima, autoconfiança e autoimagem. A relação entre o cavalo e o participante cria um ambiente terapêutico único, caracterizado por afeto, empatia e comunicação não verbal. Essa interação promove a liberação de endorfinas e a redução do estresse, contribuindo para o bem-estar emocional. No aspecto social, a equoterapia oferece oportunidades para a socialização e integração dos participantes. Com base em evidências científicas, diversos estudos têm demonstrado os benefícios da equoterapia no desenvolvimento biopsicossocial de indivíduos com deficiências e necessidades específicas. No entanto, são necessárias mais pesquisas para aprofundar a compreensão dos mecanismos terapêuticos envolvidos e para estabelecer diretrizes e protocolos mais precisos para a prática da equoterapia. Em conclusão, a equoterapia se destaca como uma abordagem terapêutica multidimensional que promove o desenvolvimento biopsicossocial de indivíduos com deficiências e necessidades específicas. Seu enfoque holístico, combinado com a interação com o cavalo, oferece um ambiente terapêutico único que estimula o crescimento e a melhoria da qualidade de vida dessas pessoas.

Biografia do Autor

Francisco Roberto Diniz Araújo, Universidade de Flores - UFLO

Pós-doutorado en Psicología con Orientación en Metodología de la Investigación de Revisión - Universidad de Flores, UFLO, Argentina.

Downloads

Publicado

2023-11-06

Como Citar

Araújo, F. R. D. (2023). EQUOTERAPIA: UMA ABORDAGEM MULTIDIMENSIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO BIOPSICOSSOCIAL DE INDIVÍDUOS COM DEFICIÊNCIAS E NECESSIDADES ESPECÍFICAS. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 9(10), 809–824. https://doi.org/10.51891/rease.v9i10.11575

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.