ABSENTEÍSMO ENTRE OS TRABALHADORES DA ENFERMAGEM: CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS

Autores

  • Sheila do Espírito Santo Universidade de Mogi das Cruzes
  • Márcio Antônio de Assis UNESP

DOI:

https://doi.org/10.51891/rease.v7i8.1970

Palavras-chave:

Absenteísmo. Enfermagem do trabalho. Saúde do Trabalhador. Profissionais de Enfermagem.

Resumo

O absenteísmo é um fenômeno caracterizado pela ausência do trabalhador no ambiente laboral. No contexto dos profissionais de enfermagem, essa circunstância se verifica de forma acentuada, influenciando significativamente no desempenho profissional e pessoal entre os trabalhadores. Assim, o principal objetivo do presente trabalho é identificar os motivos causais que levam os profissionais da aréa de enfermagem a se ausentarem do emprego, considerando fatores institucionais, vinculados a equipe de trabalho ou liderança e os intrínsecos ao próprio funcionário. De igual modo, intenta-se abordar as consequências geradas pelo absenteísmo para esses trabalhadores. Para tanto, a pesquisa esta fundamentada na revisão de literatura, especificamente a revisão integrativa, ora norteada pelas etapas de extração de dados, seleção de amostra, avaliação dos estudos, síntese dos resultados encontrados e apresentação, com base nas publicações relativas ao tema e indexadas nos bancos de dados da Literatura Latino-Americana em Ciências de Saúde (LILACS), e no Scientific Eletronic Library Online (SCIELO). Dessa forma, objetivando a sistematização e entendimento do tema que o estudo possa viabilizar a consolidação de ações futuras, voltadas ao resguardo da saúde dos trabalhadores e melhoramento da qualidade do atendimento e assistência prestados por eles no sistema de saúde

Biografia do Autor

Sheila do Espírito Santo , Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmica de Enfermagem na Universidade de Mogi das Cruzes – UMC. E-mail: Sheila.es@hotmail.com

Márcio Antônio de Assis, UNESP

Enfermagem pelo Centro Universitário Nove de Julho. Mestrado e Doutorado em Engenharia Biomédica pela Universidade de Mogi das Cruzes. Pós-doutorado em Enfermagem pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho UNESP Botucatu.

Downloads

Publicado

31/08/2021

Como Citar

Santo , S. do E. ., & Assis, M. A. de . (2021). ABSENTEÍSMO ENTRE OS TRABALHADORES DA ENFERMAGEM: CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS. Revista Ibero-Americana De Humanidades, Ciências E Educação, 7(8), 466–486. https://doi.org/10.51891/rease.v7i8.1970